notícias da pastoral

Encontro Inspetorial da ADMA Nossos Eventos
“Com Maria, Mulher de Fé”

Sob o Tema “Com Maria, Mulher de Fé”, cerca de 250 associados da ADMA (Associação de Maria Auxiliadora) da Inspetoria Salesiana de Nossa Senhora Auxiliadora, de São Paulo, participaram do Encontro Inspetorial na cidade de Lorena, Estado de São Paulo, no sábado, 15 de setembro de 2018.

 

O encontro foi organizado pelo grupo ADMA daquela cidade e reuniu membros dos grupos de Americana, Guarujá, Sorocaba, Pindamonhangaba, Campinas, Araras, Araraquara, São Carlos, Itaquera (SP), Santa Terezinha (SP), Lapa (SP), Bom Retiro (SP) e São José dos Campos além dos 3 grupos de Lorena.

 

O dia iniciou com um café da manhã em clima de confraternização e de integração, seguido pela oração inicial dirigida pela ADMA São Carlos, meditando sobre o Quadro de Maria Auxiliadora, da Basílica de Turim, pintado por Tomás Lorenzone sob a inspiração de Nossa Senhora a Dom Bosco.   

 

O padre inspetor, Justo Ernesto Piccinini, deu as boas-vindas aos participantes, enfatizando a importância deste momento pra a ADMA e pediu perseverança na missão confiada por Dom Bosco. Agradeceu o empenho do Pe. Narciso Ferreira à frente da Associação e ao grupo de Lorena pelo trabalho no preparo deste momento especial.

 

A primeira conferência foi conduzida pelo Pe. Mauricio Tadeu Miranda que levou todos a refletirem que Deus teve a iniciativa de vir ao encontro do ser humano e se manifestar. A reação do homem em resposta a iniciativa de Deus chama-se fé. O que permite reconhecer que Ele encontra cada pessoa e se manifesta em direção a ela e, ao responder a essa proposta de forma livre, pessoal e intransferível, denomina-se fé. E Maria, a Mãe de Deus quem nos auxilia a caminhar na direção a Jesus com passos firmes na Fé.  Ela é a Evangelizadora por excelência.  

 

Outro momento foi uma rica troca de Ideias em grupos (10), sobre:

 

1)       Como promover na animação da ADMA a devoção à Auxiliadora com propostas para jovens e crianças?

2)      O que nos impede de caminhar na ADMA e assumir plenamente o nosso papel?

3)      Quais são os sinais de vida e de esperança que experimentamos em nossos grupos ADMA?  

               

Logo após o almoço, tivemos a reza com muita devoção do Santo Terço Mariano conduzido pela ADMA de Guarujá.

 

Na segunda conferência, Pe. Mauricio levou à reflexão sobre a fé em Deus que Maria ensinou desde a sua gestação: A Fé que precisa ser Professada (anúncio, catequese), Celebrada (sacramentos, orações, festas litúrgicas) e Testemunhada (gestos concretos na família e comunidade). A ADMA tem esse chamado e deve responder com firmeza.

 

A santa missa foi presidida pelo Pe. Narciso e concelebrada pelos Pe. Edson Castilho, Pe. Milton Rezende, Pe. Tércio Rodrigo e Pe. Tetuo Koga, que destacou os desafios e propostas da devoção mariana na comunidade salesiana que deve estar plena de juventude para enriquecê-la com toda experiência cristã. Deve-se estar abertos a necessidade de caminhar com os jovens, acompanhá-los nas situações que enfrentam, acolhendo-os com alegria como propõe Dom Bosco.

 

O encontro superou as expectativas e reafirmou a importância da ação apostólica da ADMA na Família Salesiana em favor da salvação da juventude, contando sempre com a benção de Nossa Senhora Auxiliadora, rumo aos 150 Anos.

 

  

 

Fonte: Inspetoria Salesiana de Nossa Senhora Auxiliadora